Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > PRT+Integrado realiza terceiro encontro em Brasília
Início do conteúdo da página

PRT+Integrado realiza terceiro encontro em Brasília

Objetivo é trocar experiências e instruir gestores regionais sobre estratégias de desenvolvimento turístico local

  • Publicado: Sexta, 26 de Outubro de 2018, 20h18
  • Última atualização em Sexta, 26 de Outubro de 2018, 20h19
  • Acessos: 132

Por Nayara Oliveira

26 10 18 PRTINTEGRADO1 NayaraOliveira
Encontro reuniu interlocutores regionais de MG, MS e PR em Brasília. Foto: Nayara Oliveira/MTur

O Ministério do Turismo encerrou nesta quinta-feira (25) o terceiro encontro de interlocutores regionais do PRT+Integrado. A proposta é apresentar programas que servem de base para o desenvolvimento do setor, com atenção às especificidades e diversidade da oferta de cada estado, além de promover a troca de experiências entre líderes das governanças turísticas regionais de todo o Brasil.

Na pauta, oportunidades de parceria e participação em programas do MTur relacionados à atração de investimentos, acesso ao crédito, cadastramento e fiscalização de prestadores de serviços turísticos, planejamento territorial do Turismo, eventos turísticos, infraestrutura do setor e estruturação de produtos turísticos.

Desta vez, coordenadores de áreas técnicas estratégicas da Pasta receberam representantes de instâncias de governanças regionais de Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Paraná: Circuito Turístico Mata Atlântica de Minas; Circuito Turístico Noroeste das Gerais e Alto Paranaíba; Circuito Turístico Lago de Três Marias; Caminho dos Ipês de Mato Grosso do Sul; além das agências de promoção Adetur Litoral, Retur e Paraná Turismo.

Os gestores presentes atuam no desenvolvimento da política pública do Programa de Regionalização do Turismo nas regiões que fazem parte do Mapa do Turismo Brasileiro. O Mapa, que será atualizado em 2019, contempla atualmente 3.285 municípios inseridos em 328 regiões turísticas. “Desenvolver esse diálogo com as instâncias é uma maneira de aprimorar a nossa comunicação e compartilharmos conhecimento, mas também um instrumento para que o MTur consiga entender as diferentes necessidades e realidades turísticas do nosso país”, informa a coordenadora do Programa de Regionalização do Turismo do MTur, Ana Carla Moura Fernandes.

O diretor presidente da Paraná Turismo, Jacó Gimenes, afirma que as rodadas de debates representam uma possibilidade de conhecer melhor os estágios de desenvolvimento do setor em diferentes cidades de todo Brasil. “Estas jornadas de conhecimento nos ajudam a conhecer os recursos possíveis do ministério para municípios comprometidos com o turismo. A partir daí, o turismo passa a ser compreendido por todos nós como um instrumento de desenvolvimento e avançamos para melhorar nossa competitividade”, finaliza Gimenes.

SOBRE O PROGRAMA - O PRT+Integrado, série de iniciativas compartilhadas entre MTur e interlocutores regionais de turismo, visa aprimorar o diálogo, a interlocução e promover o intercâmbio de experiências e boas práticas entre representantes de todos os estados brasileiros participantes do Programa de Regionalização do Turismo (PRT). “A ideia é receber, de cada vez, de duas a seis instâncias por estado, sempre com a presença de uma instância com mais experiência e tempo de formalização, para dar suporte às que estão instituídas e pretendem se formalizar”, explica Ana Carla Moura.

Construído a partir de oficinas participativas e lançado há 12 anos, o PRT tem como foco a gestão descentralizada do turismo e trabalha sob a perspectiva de que os municípios brasileiros possam lapidar suas vocações para o setor. O trabalho regionalizado dá protagonismo às cidades e traz ganhos não só para o município que recebe o visitante, mas para toda a região.

A primeira reunião envolvendo integrantes das regiões turísticas ocorreu no início de setembro, em Brasília, quando o MTur sediou encontro com a presença de grupos técnicos de Goiás, Minas Gerais e Paraíba. Na ocasião, o exemplo bem-sucedido de gestão do Circuito do Ouro, formado por 15 cidades mineiras, foi apresentado a administradores das instâncias das áreas Pegadas do Cerrado e Águas e Cavernas (GO) e Trilhas dos Potiguaras (PB). O próximo encontro nacional com representantes de regiões turísticas será marcado em novembro.

Edição: Vanessa Sampaio

registrado em:
Fim do conteúdo da página